sexta-feira, 1 de agosto de 2008

Ao Estudante Anônimo


Liberdade é poesia
que não se desvia
das muralhas


Liberdade ultrapassa
Tanques brutos da praça
represálias

Liberdade é música
que vai além da letra
escrita
berrada
mortal:
Manifesto silencioso da verdade
Genuína paz celestial









2 comentários:

Cristina disse...

Olá Peabiruta!
Gostei muito de conhecer seu blog e seus rabiscos de muito bom gosto. Parabéns!

Fazem aproximadamente 4 anos que moro em Peabiru, gosto muito daqui.
Conheci através do Peabiru.net. Também gosto de "rabiscar", quem sabe tomo coragem e crio um blog.

Grande abraço, vou estar acompanhando teu blog. Boa sorte!

Fábio Sexugi disse...

Obrigado, Cristina!

Rabiscar liberta. E Peabiru instiga naturalmente à escrita.

Um abraço!